5 motivos pelos quais você não deve baixar/comprar pirataria


Será que só eu sou indignado com isso? Não é possível. Vocês, nossos leitores tão instruídos devem compartilhar da minha opinião. De qualquer forma, resolvi juntar aqui os motivos principais que invalidam a pirataria no ramo da arte. Quem sabe assim você consegue convencer aquele seu amigo sem noção ou aquela sua tia que trabalha do lado do camelô e não resiste em trazer filmes pra assistir com o maridão de noite. Spread to the world!

1. Quem nunca quis colecionar alguma coisa? Você provavelmente já comprou um disco. Não é diferente a sensação? Poder abrir, ler o encarte, conferir as letras, fotos e detalhes de lançamento. Ter o trabalho em mãos. A capa do disco, além de quase sempre ser muito bonita, é fruto de muito trabalho, e geralmente fala muito sobre ele. Nunca é tarde pra começar uma coleção de CDs, pra poder mostrar pros seus filhos mais tarde.

2. Os artistas sobrevivem disso(salvo nos filmes, que os atores faturam milhões só por gravar). Nos bons e velhos tempos, ganhar um disco de ouro era a maior consagração

Músicos espanhois tocando o terror

pra um músico, as rádios tocavam um disco inteiro assim que eles eram lançados. A pirataria não respeita direitos autorais, copia, prejudica artista e gravadora, fazendo artistas viverem de shows e produtoras irem à falência. É sua banda favorita apresentando pra você algo novo, encare um álbum como um livro, uma história dividida em partes: as músicas.

3. No processo de gravação, todos os instrumentos são gravados separadamente, equalizados e mixados. CD significa Compact Disc, ou seja, disco compacto. Já ao ser gravado em CD, muito da música se perde, já que sua capacidade não é das maiores. Se você ouvir um vinil (LP, que vem de Long Play), perceberá que a amplitude do som é muito maior, e você pode perceber todos os instrumentos separadamente. Mas não vou ser saudosista a ponto de dizer que você devia ter uma vitrola em casa. Em mp3, que é o formato que baixamos da internet, a qualidade já é altamente prejudicada, a ponto de não conseguirmos ouvir o som do contrabaixo, por exemplo. Sem contar que um CD/DVD pirata danifica seu player.

4. Não vou nem falar aqui de outros produtos contrabandeados, como tênis, óculos, computadores pessoais e perfumes, mas o Procon lançou um guia recentemente com orientações e dicas ao consumidor sobre produtos piratas e como combatê-los, no qual diz que “esses produtos oferecem riscos contra a saúde e segurança, inclusive de quem vai manipular o produto”. Claro, tenta dar uma corridinha com um tênis de amortecedor falso.

5. Por último, o mais óbvio. Isso é crime! Você pode sim ir preso! Ok, não aqui no Brasil porque né… mas se você fosse francês você poderia sim ir preso! Além de alimentar o crime organizado e continuar patrocinando um trabalho ilegal.

Fui muito moralista? Não to dizendo que você não deve conhecer trabalhos pela internet (afinal, eu concordo que o preço que é cobrado em CDs por aqui é absurdo), muitas bandas disponibilizam seu trabalho online, como na épica vez em que o Radiohead “vendeu” o In Rainbows por aqui. Mas depois de baixar, se você gostou, por favor compre. Ter uma coleção de discos é uma das coisas mais gratificantes pros amantes de música, eu posso garantir.

P.S. 1: Para copiar essa lista, basta depositar R$ 20,00 na conta do Vera. Mentira, mas coloque a fonte, senão é pirataria.

P.S. 2: Como nosso Vera Fe Germano bem incluiu, veja aqui qual o filme mais pirateado do ano. Mas no caso desse filme eu deixo baixar, assistir no cinema seria desperdício de tempo mesmo.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s