168 Horas… de Vera


Pedra, papel ou tesoura? Essa pergunta persegue um cara há alguns anos. Mais precisamente em meados de 2003, um cara ficou preso por mais de 5 dias por uma rocha, dentro de uma brecha no Grand Canyon. Uma rocha dentro de uma rocha… Inception? Nopes, meus caros Veras, essa é a premissa de outro dos indicados ao homenzinho dourado: é a premissa de 127 Horas.

Você deve estar pensando “Ok, mas o que um filme de um cara preso por causa de uma pedra vai ter de interressante?”. E a respsta é simples: nada. E justamente essa é a magia de 127 Horas, mas como eu já disse, dicas para filmes só de sexta feira aqui no Vera, então não vou falar especificamente sobre o filme, e sim sobre uma coisa muito, eu disse MUITO mais foda. O fato do filme ser baseado em fatos REAIS!

Agora isso não deve ser novidade pra você, mas tenta lembrar da primeira vez que você ouviu isso… tem noção do quão absurdo é? Um cara, 5 dias, no meio de um rochedo… é o tipo de coisa que a gente não vê sempre que vai fazer trilha em Campos do Jordão, right? E deve ser justamente por isso que o Danny Boyle, diretor (muito competente por sinal, mas relaxe, comentaremos em algumas sextas sobre ele), escolheu para ser a história do seu novo filme.

Mas vou ao ponto que me deu a inspiração de fazer esse post. Navegando pelo youtube me bateu uma dúvida: “E os vídeos que ele gravou? Cadê?”. Como todo bom cinéfilo, precisava ver como eram as gravações reais em comparação com as do longa. E as palavras FUCK HOLLY SHIT! pularam da minha boca, quando eu vi a comparação. Pra falar a verdade, foi bem mais simples do que eu imaginei, poucos minutinhos buscando e surgiu na minha frente um video que, justamente, comparava a fita real e a gravada por James Franco (que por sinal atua demais nesse filme).

Além desse video, eu encontrei também um documentário feito pela NBC, bem antes do filme do ano passado, que conta a história toda pela boca do próprio aventureiro. Mas já deixo claro que se vc não assistiu o filme indicado ao Oscar, eu não recomendo esse daqui, até porque logo no primeiro take do programa da NBC, já é mostrado o final do filme de Boyle.






Bom, eu sei que as horas passaram um pouco, mas mesmo assim deixei o titulo pra comemorar e agradecer a quantidade de visitantes que tivemos nessa semana.😉

Uma resposta em “168 Horas… de Vera

  1. Pingback: True Story, Bro | Vera com S

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s